"Você aprende que o que antes te fazia feliz, hoje te magoa. Você aprende, do jeito fácil ou do jeito difícil, que a vida te toma as coisas sejam elas boas ou ruins, mas isso no final se explica. Faz parte da vida mudar, você faz sua parte quando faz dessa mudança a melhor coisa que poderia acontecer no momento. Finalmente, a vida se explica para você e tudo fará sentido, basta esperar." — Rayanne Gama



"Finally, you and me are the lucky ones this time. - Lana Del Rey" —



(via jhuliachiesa)



"Me sinto velha, como se um peso estivesse sobre meus ombros me puxando para o fundo, como se o futuro não guardasse nada para mim, nada além do que já é previsto para todos e eu quero mais. Mas meus pés não se mexem e ninguém me puxa, então aqui estou eu com uma vida já escrita e prevista, presa." — Rayanne Gama.



"Falta-me inspiração pela manhã, mas não falta-me o amor. Falta-me bom humor pela manhã, mas não falta-me o ‘bom dia’. Falta-me você pela manhã, mas sei que a noite estará aqui, sorrindo para mim e nada faltará." — Rayanne Gama



"Amor,
não significa apenas felicidade, significa aprender, se conhecer, descobrir um pouco sobre o outro, sem fazer interrogatórios. Ele apenas nos ensina que nunca se conhece a si próprio até amar." — Rayanne Gama



"Quando eu penso que a vida é inconstante, ela me prova que realmente é, me surpreendendo, me fazendo feliz, me fazendo amar, mas também me fazendo sentir dor, me magoando para me fazer aprender que a vida, ah a vida, é inconstante e nada previsível." — Rayanne Gama



"Às vezes o melhor é se afastar de quem se ama. Para ver se a vida deixa esse amor voltar, e se você se renova e o amor se reinventa." — Rayanne Gama



"Eu não preciso chorar para mostrar que estou triste. Nem gritar para dizer que sinto dor. Muito menos sorrir para deus e o mundo para provar que sou feliz. Não preciso aparentar para ser, demonstrar para estar. Meu mundo acontece aqui dentro. E ele não é menor ou maior que o seu: é simplesmente o meu. Ele é meu com todas as letras, ele é meu em cada palavra, com todos os silêncios, com todos os incêndios. Eu ouvi meu choro, eu escutei meu grito, eu senti minha dor e eu gargalhei em paz sem precisar invadir o seu mundo com coisas tão minhas, com coisas tão lindas, com coisas tão findas que se repetem infinitamente: aqui dentro. [cartas para não sei quem; antônio]" — Autor: Eu me chamo Antônio / Via: Rayanne Gama




It seems, I'm losing something deep inside of me



Erro muito e sou cheia de defeitos. Me arrependo de várias coisas. E odeio pedir desculpas. Na verdade, é bem raro quando eu dou o braço a torcer. Talvez eu tenha magoado muitas pessoas. Mas talvez eu também esteja cansada de ser legal com quem nem sabe meu nome. Mas tanto faz, eu talvez só esteja falando besteira {...}